quarta-feira, 27 de julho de 2011

[RIP] - Falecimento de Isshi(一志), ex-vocalista do Kagrra

|| || 1 comentários
No dia 18 de Julho de 2011, morreu uma das vozes mais maravilhosas do mundo da musica e também uma pessoa maravilhosa. Isshi(一志)foi encontrado morto em sua casa e as causas ainda não foram divulgadas. Em respeito a parentes e amigos, o enterro do cantor de 32 anos já foi realizado.


Os shows do shiki∞project marcados para o dia 28 e 29 de julho, em Tóquio serão em sua homenagem para relembrar sua carreia como vocalista do Kagrra, e como artista solo.

Isshi foi vocalista da banda visual kei Kagrra, que se separou em março deste ano. A banda se apresentou no Brasil em 2009 no evento Anime Friends. Agora,Isshi seguia carreira solo no shiki∞project, tendo lançado o single Rasasakura em maio deste ano.



Eu recebi esta noticia pelo celular, estava fazendo algumas coisas com meu marido ( carteira de motorista e a procura de uma escola de ingles barata ). Quando minha mãe me ligou e avisou de sua morte, eu sou uma pessoa fria, mas confesso que até mesmo esta noticia me deixou abalada, ainda não chorei, mas posso dizer que fazer este post esta sendo difícil para mim. E pensar que aquele show no Anime Friends avia sido a ultima vez. Eu não pude ouvir a sua voz por muito tempo, pois meu marido estava irritado e queria ir embora, mas gostaria de ter ficado e ouvido mais um pouco.


Peço a todos que leiam este post que façam um minuto de silencio em sua homenagem e em seguida assistam os videos.


Que ele descanse em paz. Isshi nós o amamos.













Letra da musica acima:

Sarasouju No Komoriuta Kagrra
sou toki ni habamare nagare nagarete
kuchihatete mukaeta shuuen mo

inochi wo nigiru sadame de sae mo
kokoro wo kaerarenai

odayaka ni mau konayuki yo mada
watashi no kioku tokasanai de

kaze ni hakobareta haru no irodori ga
watashi wo tsutsumikomu no haha no gotoku
natsukashii uta ni yurari yuraretara
shizuka ni toiki ukabe me wo tojiru no

sou kazoekirenai itami ni utare
fuzoroina ashiato kizamitsuke

ishiki wa ima mo tadayoi tsuzuke
fushigi to michibikareru

osanai koro wo dakishime aruku
mekakushi no mama kami no yubisaki wo

saigo no toki wo mukaeru asa ni
hou wo naderu no sarasouju ga

kaze ni hakobareta haru no irodori ga
watashi wo tsutsumikomu no haha no gotoku
natsukashii uta ni yurari yuraretara
shizuka ni toiki ukabe me wo tojiru no

soshite toki wa sugi futo kizuku deshou
meguri meguri tsuzukeru rakuen da to


Tradução:

Sarasouju No Komoriuta (tradução)
Canção de ninar da árvore (nota: A mãe de Buda agarrou um galho de uma árvore durante seu nascimento.)

Sim, obstruindo o tempo enquanto ele flui e flui
Apodrecendo, indo encontrar meu fim
Agarrando a vida, mesmo que este seja o destino
Eu não poderia mudar meu coração

Dançando devagar, isso continua sendo a neve pulverizada, oh minhas memórias, por favor não derreta

Carregado pelo vento, as cores da primavera
Envolvendo-me e me abraçando, assim como minha mãe
Eu balanço em uma canção familiar
Um suspiro me vem a mente, e eu fecho meus olhos

Sim, ataques incontáveis de dor
Estas pegadas desiguais, gravadas

Minha consciência está flutuando
E estranhamente, está sendo conduzida

Em uma época mais juvenil, ando enquanto estou sendo abraçado
Enquanto estou sendo vendado, tocando os dedos dos espíritos

Neste tempo final, indo encontrar a manhã, a árvore acaricia minha face

Carregado pelo vento, as cores da primavera
Envolvendo-me e me abraçando, assim como minha mãe
Eu balanço em uma canção familiar
Um suspiro me vem a mente, e eu fecho meus olhos

E agora que o tempo passou,eu percebo
Enquanto eu giro e giro, que este é o lugar chamado paraíso






07 /12/1978 - 18/07/2011
"Sua maior vontade era que a música do Kagrra, seja apreciada em todo planeta."

terça-feira, 26 de julho de 2011

Lilicutes

|| || 0 comentários
Olá queridos, poxa estou tão cansada, passei o dia inteiro com o marido para poder finalmente tirar a carteira de motorista, amanha cedinho ele começa a aula. oba oba, logo vou poder andar de carro,rs.

Como hoje tive um tempinho para o blog, resolvi fazer este post a pedido da minha mãe. A alguns anos, minha mãe e a Oba faziam cestas do café da manha, depois que minha mãe saiu do trabalho elas abriram em sociedade uma loja de presentes e artesanatos, onde eu trabalhava. Havia bastante coisas meigas lá e a maioria era utencilhos feitos por nós mesmos.  Mas como nossa localização não era muito boa e fechamos.



Mesmo assim elas não pararam de fazer artesanato, minha Oba começou a trabalhar com EVA e fez muitas coisas fofas, como este enfeite de porta ao lado :3

Quem tiver curiosidade nos produtos e quiser comprar, ou mesmo conhece-las, da uma passadinha no blog delas: Lilicutes 
Aconselho a dar uma olhadinha e se encantar com os produtos *-* Lembro quando fazia estes produtos com elas, era muito divertido. Minha parte normalmente era trabalhar com biscuit. Quem sabe vocês encontrem algum trabalho meu no blog,rs. Como estes quadrinhos . . .


O que acharam? Se acharam estes lindinhos, vocês ainda não viram nada :3

[Receita] - Rocambole de Frios

|| || 0 comentários
Esta receita eu peguei com a Oba-san. Sem duvida já a fiz milhares de vezes e todas as vezes fica maravilhosa ( lembrando que não estou me gabando, só estou elogiando a receita ._.).
A parte mais divertida para mim de fazer este Rocambole é deixar ele crescer ao sol como um pão. Segundo o que a minha Oba disse, a massa dessa receita também pode ser usada para fazer pizza, eu ainda não tentei, mas quem tiver feito mande um comentário para sabermos como fica, e quem sabe algumas diquinhas :)

Vamos a receita,turminha!!

Ingredientes:


1 Tablete de fermento biológico
1 Xícara ( Chá) de leite
1 Colher (Sopa ) de açúcar
1/2 Xícara (chá ) de óleo
+/- 300 a 350 g. de farinha de trigo
250g. de presunto em fatias
1 tomate médio em rodelas
Sal, pimenta do reino e orégano a gosto
250g de queijo mussarela em fatias
1 gema batida


Modo de preparo:

Numa tigelinha dissolva o fermento em 1 colher ( café ) de sal. Em uma tigela maior misture o leite morno com o açúcar, o óleo e a mistura do fermento com sal e vá acrescentando aos poucos a farinha de trigo peneirada misturando bem. Tampe a tigela e deixe crescer em local quente por 30 minutos.
Em seguida, abra a massa em uma superfície enfarinhada no formato de um retângulo 30 x50 cm. Distribua as fatias de presunto, o tomate ( temperado com sal, pimenta e orégano ) e por cima as fatias de mussarela. Enrole a massa como um rocambole e arrume-o numa assadeira untada ( com o acabamento da massa para baixo). Pincele a massa com a gema.
Leve para assar em forno médio (200°C) pré-aquecido, por + ou - 40 minutos até dourar.

PS:  Tomem cuidado na parte de fazer o rocambole, pois com o tempero do tomate a massa pode ficar meio melequento e o recheio pode fugir um pouco da massa. Mas não se preocupe, o sabor vai ficar divino mesmo assim!! *-*

Bom apetite!!

Especial Japão VI

|| || 0 comentários














[Receita] - Arroz de forno com Camarão e Mussarela

|| || 3 comentários
Esta receita sem duvida é deliciosa e bem facinha de fazer, para quem não tem dinheiro para comprar camarão faça que nem eu, substituindo-o por outro tipo, eu coloquei salame, mas fiquei em duvida em colocar salsicha cubinhos de peito de frango, ou qualquer outra coisa que tivesse na minha geladeira. Alem de ser fácil e ficar com uma cara maravilhosa, fica com um sabor espetacular, que faz você querer comer, varias e varias vezes.
Vamos a receita do site Receitas.com :)


Ingredientes: 





  • 2 xicara de arroz cozido
  • 1 xicara de ervilha
  • 1 xicara de milho verde
  • 1/2 xicara azeitonas picadas
  • 1 xicara de molho de tomada
  • 2 xicara mussarela ralada
  • 500 gramas de camarão limpo
  • 1 dente alho picado
  • sal

Modo de preparo:
Refogar o camarão com alho, e o molho de tomate e sal ,acrescentar a ervilha,milho ,azeitona
Deixe apurar
Em assadeira colocar o arroz ,cobrir com o molho de camarão
Polvilhe a mussarela
Leve ao forno para gratinar

Bom Apetite!!

sexta-feira, 22 de julho de 2011

[Filme] - ...Ing

|| || 1 comentários
Como não tinha nada para fazer e já fazia um bom tempinho que não assistia um bom filminho resolvi baixar algum filme nos sites que minha Oba-san havia me passado: Asian Space e no AnimesXGames. Ambos estão repletos de filmes e animes a maior parte é da Coreia e do Japão, não olhei direito ainda, mas posso dizer que a muita coisa para se assistir. o-o"

Enfim, voltando ao assunto.Entrei na lista de filmes, Drama, e resolvi ir por ordem alfabetica. Só pela sinopse e pela carinha dos dois ali ao lado já me veio a cabeça " vou chorar até meus olhos incharem".

...Ing, é um filme coreano.Lançado em 2003.
A historia é sobre Gang Min, uma garota que tem um problema na mão desde que nasceu e devido a isso é uma garota isolada do mundo sem sonhos e sem uma paixão... até que um novo vizinho Yeong-jae entra literalmente na sua vida.


Eu adorei o filme e estou pensando seriamente em ter uma nova prateleira para começar uma coleçãozinha de filmes orientais, o que acham?! rs. Logo meus filmes não caberão no meu micro hack e na mesinha do computador. -.-'' Um dos bons motivos para assistir estes filminhos durante a semana é simplesmente que meu marido não esta em casa, assim quando eu começar a chorar ou rir feito uma palhaça, não tera ninguém me olhando com cara de sarcasmo ou então algum comentário irritante. 
E foi bom mesmo, pois eu tentei me segurar ao máximo, mas acabou que comecei a chorar e ai de mim se alguém me visse XD


Para quem ficou curioso, aqui um trailer. Só peço desculpas, mas não achei com a legenda inglês e muito menos em espanhol em português ;_; ( era de se esperar humph > 3< ).  A unica coisa que eu fiquei triste, é que eu assisti o filme inteiro no mudo >__<"" não sei que raios aconteceu, mas quando eu baixeis no AnimesXgames não veio com som. Espero que tenham sorte ao baixa-lo.




Beijinhos macabros e bom filme!! ( ' 3' )/

[Receita] - Escondidinho de carne moida

|| || 0 comentários
Faz um tempinho que fiz esta receita. Acho que foi na semana retrasada. Alem de fácil e usar coisas que temos diariamente na geladeira, eu e meu marido achamos deliciosa. Tanto é que não sobrou nada da pobrezinha. Até comemos no dia seguinte e sem duvida fica uma delicia quentinha.

Ingredientes:


QtdeMedidaIngrediente
1/2Quilo(s)Batata cozida e espremida
1Xícara(s)Leite
1/2Colher(es) de cháSal para o purê
1Colher(es) de sopaAzeite de oliva
1/2Quilo(s)Carne moída
2Unidade(s)Tomates médios, sem sementes, picados
1/2Colher(es) de cháSal para carne moída
1Colher(es) de sopaAzeitonas verdes picadas
1/2Xícara(s)Maionese 
2Colher(es) de sopaExtrato de tomate elefante
2Colher(es) de sopaSalsinha
A gostoQueijo parmesão ralado para polvilhar
1/2Unidade(s)Cebola


Modo de preparo:

  1. Pré-aqueça o forno em temperatura média (180°c)
  2. Em uma panela, coloque a batata, o leite e o sal e leve ao fogo, mexendo sempre, até ficar cremoso e homogêneo. Reserve.
  3. Em uma panela média, aqueça o azeite e frite a carne até perder a cor avermelhada. Junte os tomates, o sal e refogue por 3 minutos.
  4. Acrescente as azeitonas, a maionese, o extrato de tomate e misture até ficar homogêneo.Retire do fogo, adicione a salsinha e misture.
  5. Coloque em um refratário retangular médio ( aproximadamente de 30x 20 cm) a carne moída e cubra com o purê.
  6. Polvilhe o queijo ralado e leve ao forno médio por 15 minutos ou até dourar levemente. Sirva a seguir.

Eu descobri esta receita maravilhosa do site Recepedia, onde a muitas outras maravilhosas e baratas receitas que você podera fazer, e tambem encontrara o vídeo desta receita, pratica! Bon appétit


quarta-feira, 20 de julho de 2011

[Eu] - 19° Aniversario

|| || 2 comentários


19 de Julho de 2011. Um dia antes do meu aniversario, eu passei o dia inteiro me dedicando totalmente ao bolo, minha intenção era fazer um bolinho pequeno e simples, mas como não tinha forma redonda pedi uma emprestada a Oba, e eis que ela me surge com uma gigantesca, que no minimo devia ter mais de 30cm. A solução foi fazer duas camadas de bolo, logo cedo preparei os dois bolos de baunilha e comecei a preparar o recheio, os morangos já estavam na geladeira. Foi uma verdadeira corrida a procura dos ingredientes certos e alguns eu tive que substituir, encontrei as velinhas e a forma de papelão que precisava na lojinha de um real perto de casa. O duro foi achar o creme de leite fresco para preparar o chantili. Levei o dia inteiro para preparar e montar o bolo e no final do dia eu estava morta, com uma casa bagunçada, a pia cheia de louça, roupas espalhadas, fedendo e ainda não havia preparado os aperitivos ( pão de forma com pate de atum, era simples, mas com tanta coisa para fazer, exausta e com pouco tempo, parecia ser uma tortura). Com o bolo na geladeira, comecei a arrumar as roupas e depois lavei a louça, limpei a mesa e ajeitei a cozinha e depois varri a casa. Depois de tudo pronto já era quase 23hrs, resolvi descansar e esperar o marido chegar para tomar um banho quente. Me senti na véspera de natal onde eu fiz a ceia totalmente sozinha ( com a ajuda da Oba, me dizendo o que fazer para a ceia, afinal nunca tinha feito uma na minha vida). Agora era sentar relaxar e torcer para que meu marido não fizesse bagunça ( coisa meio impossível para um homem, ainda mais jovem como o meu -.-'' Estava ferrada).
Quando ele chegou recebi uma noticia o qual não consegui conter as lagrimas. Ele não poderia ficar comigo no dia do meu aniversario, pois teria que trabalhar, pensei : era bom de mais para ser verdade, quando eu pensei que nada daria errado neste mês de aniversario tão maravilhoso, sem duvida estava sendo tudo perfeito. Os presentes, os passeios, as companhias. Eu estava me sentindo mais feliz do que nunca, e para completar aquela alegria toda, meu marido teria que passar o aniversario comigo, fiquei chorosa, mas tentei compreender  Ele poderia perder o emprego e estaríamos encrencados.

Eu mal consegui dormir, de ansiedade e chateada por não ter meu amorzinho ao meu lado quando eu fosse assoprar as velinhas. Durante a noite eu tive um sonho e parecia tão real que estranhei na hora em que acordei. No meu sonho eu estava dormindo na minha cama normalmente, e quando fui acordada com um beijinho do meu marido eis que me deparo com todos da minha família me desejando feliz aniversario. Como na tradição de todos os meus aniversários eu chorava e recebia junto com o café da manha o beijinho de todos, não havia presentes, mas eu estava totalmente feliz por ver todos ali. Quando acordei recebi o carinho do meu marido e tentei aproveitar aquele momento do lado dele até que ele fosse trabalhar na hora do almoço.Ele me desejou feliz aniversario, mas era engraçado eu era tão paparicada no meu aniversario, que aquele bom dia parecia ser um igual a todos os outros dias, normalmente no meu aniversario meus pais vinham me dar beijinho na cama e minha mãe me servia chocolate quente na cama e meu pai comprava pão doce de cereja ( meu predileto), da padaria sta. marcelina. E o dia eu fazia coisas legais e me divertia bastante e os presentes me surpreendiam bastante e os embrulhos me enchiam os olhos.

Mas eu não poderia reclamar agora, eu já estava bem grandinha para receber presentes coloridos e grandes e cafezinho na cama com meus pais.Eu deveria esperar pela ligação da minha mãe as 11hrs e a visita do meu pai a noite o qual ele me prometera um beijinho e uma abraço de felicidade. Minha tia viria bem cedinho com o lele e a vovó, a gente almoçaria juntas e comeríamos bolo.  Os presentes já haviam sido entregues e as festividades tambem, o jantar na casa da namorada do meu junto com as filhas dela havia sido maravilhoso o almoço com minha Oba na liberdade ( comida japonesa,rs) e o presente do anel da Nana que eu tanto queria. Minhas roupas novas, que havia assimilado que eram presentes do meu maridinho <3 Eu não poderia reclamar de nada. Afinal eu estava muito feliz.

Minha tia chegou no momento em que estava escovando os dentes, a tia do vini abriu o portão para eles. Meu priminho me chamou no portão " Primmma!", dei risada por ele não saber responder a tia quando ela perguntou qual era o nome da prima dele. Pelo menos ensinei certo!,rs. Minha Oba nunca deixou eu chama-la pelo nome, da ultima vez que eu a chamei pelo nome eu só faltei levar um murro,kk. Dez de então é só tia, titia ou Oba. O mesmo eu ensinei para o Lele e prelo visto deu resultado.

Elas prepararam o almoço enquanto o Vini brincava no quarto/sala com o Lele. Mostrei o bolo a elas, o qual para mim parecia estar horrível ( por ter passado tanto stress com ele ¬ ¬ )

No fim o Vini não foi trabalhar e isso me deixou muito feliz. Mas, muito preocupada. Almoçamos em família um delicioso estrogonofe, com um arroz gostosinho feito pela minha vovó. Depois fomos ao mercado fazer as comprinhas para a viagem da Oba e depois voltamos para casa para cortar o bolo, o parabéns foi uma verdadeira bagunça, mas muito divertida.

Como prometido minha mãe ligou no horário para mim, só não esperava que ela ligaria 3 vezes, kk. Ela explicou o porque de não poder ir e entendo. Até mandei um pedacinho bem generoso do bolo para ela e para o vovô que não puderam vir. De noite meu pai chegou e me deu os parabéns, comeu do bolo e pensei que seria só aquilo. O que eu não esperava é que fosse ganhar um presente numa caixinha rosa tão fofa e o que eu não esperava mesmo era ganhar um celular \\o// finalmente um celular que toca e ainda posso ouvir musicas sem problemas,rs. Fiquei o tempo todo mexendo nele e aprendendo como usa-lo com meu pai, que até ele aprendeu.

Foi um aniversario ÓTIMO!! Não foi como no meu sonho, mas não sei se poderia ser melhor do que foi este. Espero que quando fizer 20 aninhos seja tão bom como o deste ano. E no ano que vem estarei preparada para acender as velinhas sem fazer elas caírem no bolo >__< kk


Beijinhos macabros a todos e um ótimo feliz aniversario para mim! :3
O que acharam do meu bolinho?!

[Eu] - Festival do Japão

|| || 1 comentários
Dia 17 de Julho de 2011. Acordamos cedo, tomamos café, nos arrumamos e saímos de casa as 10hrs para encontrar com a Oba-sama na estação Jabaquara ao Meio dia. Como o trem estava rápido chegamos mais cedo do que planejávamos. Eu e meu marido ficamos disputando em que tempo chegaríamos na estação e eu teria ganhado por alguns minutinhos. Chegamos 11:05hr, ficamos esperando próximo a catraca e dei um toque no celular da Oba para avisarmos que tínhamos chegado. Nunca vi tanto japonês junto em um único lugar, acho que nem na liberdade haveria tantos. o-o estava me sentindo chegando de viagem ao Japão *-* SUGOIII!! Algum tempo depois, eis que a mocinha chega com o cabelo esvoaçante, rs. 
Perdida ela nos guiou até onde pegaríamos um ônibus para ir ao evento, chegando na fila vimos um monte de gente indo a pé para o evento, acinosos fomos a pé mesmo. Não era tão longe da estação, e quando chegamos próximo do local vimos que havia sido ótimo termos vindo de a pé. rs da uma olhada no transito na foto  o-o

Era quilômetros de carros parados querendo entrar no evento. Sem contar da feira que estava tendo ali perto, me deu uma vontade de comprar uma frutinha, mas precisava guardar o din din para gastar compulsivamente no festival HOHO.

Depois de passarmos pelas catracas estávamos livres para termos nossos ataques de histeria e meu marido passar o máximo de vergonha,rs. Fiquei com receio dele ficar com cara de bunda e ficar tirando o sarro o tempo todo. Tipico dele.

Como minha barriga já estava roncando preferimos ir comer e depois olhar o resto das feirinhas do lado de dentro. Era muita comida tipica, varias barraquinhas cheias de comida e fiquei perdida em o que comer primeiro *-* Da minha parte eu comprei : oniguiri ( bolinho de arroz ), Takoyaki ( bolinho de polvo ), Tempura com sorvete, Melona ( sorvete com sabores : melão, banana e morango), churrasco, chopp ( sem duvida o melhor chopp que eu já tomei na minha vida, e completamente gelado, ótimo para aquele dia ensolarado e quente !! ). Nós comprávamos as coisas de comer e dividíamos entre nós. Cada um comprava uma comida tipica e dividia para três, só não dividimos com o Vini quando tinha peixe no meio. Ainda bem, pois era os melhores pratos. Principalmente um Temaki de skin, que a Oba comprou que era MARAVILHOSOOOO!! A gente comprou outras comidas, mas no momento não lembro. 


Depois de encher o pandulho, fomos olhar as feirinhas, havia muita gente e se você parasse e não achasse um lugarzinho corria o risco de ser levado pela multidão, rs. As feirinhas estavam espalhadas em varias fileiras em um enorme galpão que no final não chegamos a olhar nem 3/4 dela. A gente não parava pois queríamos olhar tudo de uma vez para depois olhar com calma, mas tínhamos um horário a seguir, a Oba queria assistir a um musical tipico com tambores ( que para variar eu esqueci o nome >__< sorry! ) e também no final precisávamos assistir o WCS. Só paramos uma unica vez para a Oba se divertir de se transformar em japa.
Em uma das estandes, havia uma que parecia estar recebendo atenção de muita gente, eu não daria tanta bola, devido ao preço, mas a Oba ficou paralisada vendo as pessoas se vestirem com roupas tipicas do Japão e tirarem fotos com um profissional.



Quando dei conta já estava carregando a bolsa e os acessórios da Oba e o Vini segurando o All Star preto dela. Da uma olhada na figurinha, rs. Tava toda feliz. Até o momento em que se sentou para a maquiagem e a mulher cagou a cara dela com uma maldita sombra verde musgo horrorosa. Depois do ocorrido nós todos nos perguntamos : " para que diabos aquela maquiadora passou aquele verde musgo no olho?!" Nada na Oba tinha verde, nem mesmo a cor dos olhos dela ( olhos azuis *-*) Se vocês estivessem lá, também ficariam com aquela cara de ué?! Enfim, ficamos afastados olhando ela fazer poses para o fotografo, algumas poses, muito nada a ver, mas ta valendo, não vi o resultado das fotos mas segundo a Oba ( que já cursou fotografia ) elas ficaram horríveis.
Depois eu quero uma para o blog heim Oba!! : )



O dia estava sendo maravilhoso, até mesmo o Vini que no começo fiquei com medo de ficar com cara feia estava se divertindo e no final do dia disse a verdade : " eu me diverti muito hoje, foi legal!, exceto pelos sininhos e o som alto do palco" É amorzinho eu também achei que o som estava ruim, mas em todo caso valeu a pena cada minutinho desse passeio, até eu que quase me matei de tanto esgoelar para chamar a atenção dos apresentadores do palco, para ganhar os livrinhos de curso de japa. Eu gritava, pulava e balançava o lenço do cabelo da Oba, mas no minimo as merdas das luzes do palco não deixavam eles me verem. $%@$&*&.  Fiquei frustrada, mas não desanimei, nos divertimos assistindo aos shows e a final do WCS. Que para nós só duas duplas haviam se saído bem, o resto estava muito fraco.




Foi um dia em cheio, com muitas gargalhadas, barrias cheias, decepções, alegrias, palhaçadas e até mesmo broncas, como para tirar esta foto minha e da Oba. Vou colocar o Vini em um curso de fotografia -.-'' Até a pontinha do dedo dele saiu na câmera, pqp XD kkkk



E como se não bastasse ainda tive meu momento vexame, quando a Oba me pediu para tirar foto dela e do vini com um Oni, o que eu não sabia e nem mesmo ela, é de que estava filmando. Da uma olhada na merda:


video

É isso ai turminha, essa foi minha aventura no 14° Festival Japonês de 2011, beijinhos macabros :3
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...